Arquivos do Mês: fevereiro 2014

Bouquet com cristais

Os noivos pensam e planejam tudo nos mínimos detalhes para que a festa seja única e agrade a todos! Quanto ao bouquet da noiva, não é diferente. Nova tendência para 2014, os bouquets com cristais trazem muita sofisticação e é ótimo para as noivas antenadas que querem inovar no altar.

Diferente dos bouquets tradicionais, o com cristais tem a vantagem de ser eterno! Elementos como tecidos, pedrarias, pedras, broches e pérolas estão na lista dos mais utilizados pelas noivas. Sem esquecer que eles podem sim, ser utilizados com as tradicionais flores! Os compostos por cristais dão um brilho todo especial à noiva!

O bouquet é mais que um acessórios, faz parte do look da noiva, você abriria mão do tradicional com flores?

bouquet

 

Deixe um comentário
Compartilhe:
Categorias: Dicas, Dicas de Casamento Tags: , , ,

Tecidos para o vestido de noiva

Uma das primeiras preocupações da noiva, é quanto ao vestido. Existem muitos critérios que são levados em conta, como a cor, o estilo, formato…e o tecido, que não pode ser deixado de fora! Na verdade, grande parte do sucesso dele está na escolha do tecido. Entenda a diferença entre os tecidos indicados para os vestidos de noiva:

tecido

Rendas
Existem diferentes tipos de renda e cada uma conta com um caimento específico. A chantilly, por exemplo, é mais leve. Renascença e soutache são mais armadas. A escolha vai depender muito do efeito desejado no vestido, mas a renda point d’esprit, aquela com pequenas bolinhas, está entre as queridinhas das noivas.

Tule
É um tecido com trama mais aberta, semelhante a uma colmeia. O tule do tipo francês é o único que possui brilho.

Musseline
É um tecido transparente bem levinho, usado para modelos com drapeados bem pequenos ou saias esvoaçantes.

Organza
O tecido não é indicado para quem deseja um modelo mais fluido, como os vestidos indicados para casamentos na praia.

Gazar
Se você procura um vestido com saia de princesa, esse tecido pode ser uma opção.

Cetim
O cetim conta com certo brilho e, o tecido possui diferentes espessuras. Sem dúvida, o caimento do cetim de seda é mais natural e delicado quando comparado ao sintético.

Zibeline
O zibeline é tradicional e possui brilho delicado e acetinado.

Chiffon
Tem a leveza da transparência, mas possui caimento com certo peso. É indicado para vestidos mais fluidos e lânguidos e saias rodadas.

Tafetá
É um tecido quase fosco e costuma ser usado para dar bastante volume nas saias do vestido, mas também cai bem quando drapeado. O tafetá é recomendado para modelos com saias amplas e tops estruturados.

Crepe
Se você busca saias armadas e vestidos estruturados, este não é o melhor tecido. O crepe não possui brilho e é indicado para modelos mais fluidos e saias rodadas.

Deixe um comentário
Compartilhe:
Categorias: Dicas, Dicas de Casamento Tags: ,

Nova moda nos casamentos: o noivo adota o sobrenome da noiva

Mudando as tradições

As tradições sofrem mudanças ao longo dos anos, fazendo com que tudo que era tido como obrigatório se torne, muitas vezes, opcional. A magia disso tudo está no fato das pessoas poderem ter liberdade de escolha em quase todos os aspectos da vida.

Não existe exemplo melhor de tradição mutante que o casamento. Antigamente, as pessoas experimentavam uma festa bonita, porém restrita e sem liberdade, constituindo algo que era, inclusive, machista.

Quantas vezes ouvimos dizer que o sobrenome predominante era o do homem e vimos a mulher adotar esse mesmo sobrenome, muitas vezes até anulando o próprio.

Parece que os tempos mudaram. Hoje em dia, com a liberdade de escolha e de preconceitos, muitos noivos estão adotando o sobrenome das mulheres.

Cresce o número de noivos que adota o sobrenome das noivas

noivo

O fato é algo cada vez mais corriqueiro. Nas cidades grandes, por exemplo, a mudança já é notável. Segundo um levantamento feito na cidade do Rio de Janeiro, 10% dos homens cariocas já adotam o nome das mulheres como sobrenome oficial.

Lá, me apenas três meses, já foi possível verificar um número de 180 noivos que também trocaram de nome. Já em São Paulo, 836 cartórios já possuem registros de homens que valorizaram o sobrenome da pessoa. A estimativa é de que um em cada quatro noivos já estejam seguindo essa moda que, aparentemente, veio para ficar.

Existem ainda as pessoas que possuem uma opinião mais calculista, fugindo um pouco do romance da coisa e indo pela lógica, defendendo que a melhor coisa é os dois noivos manterem o nome de solteiro. Isso serve para evitar a enorme burocracia que a mudança do nome implica, como a alteração de toda a documentação de cada um dos noivos

Deixe um comentário
Compartilhe:
Categorias: Dicas, Dicas de Casamento Tags:
Página 1 de 212

© 2012 Todos os direitos reservados a Vox Ambientações.

Guad Comunicação Interativa Like Marketing Digital